Inauguração da linha 13 do metrô - Jade ligando o centro da Cidade de São Paulo ao seu Aeroporto Internacional, financiada pela Agência Francesa de Desenvolvimento.

São Paulo, 31 de março 2018. O Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin e o Consul da França em São Paulo, Brieuc Pont, inauguraram a linha 13 do trêm da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), construida com o apoio da Agência Francesa de Desenvolvimento. Ainda em operação assistida e com horário de circulação restrito durante um período de dois meses, a linha deverá garantir um serviço contínuo a partir do segundo semestre de 2018.

JPEG

O Estado de São Paulo recorreu à AFD para solicitar apoio na construção da nova linha 13 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). Um empréstimo de 300 milhões de euros foi outorgado em 2013 pela AFD ao Estado de São Paulo a fim de financiar essa nova infraestrutura ferroviária de 10,3 km de extensão ligando a cidade de Guarulhos e seu aeroporto Internacional ao seu destino final, a estação Engenheiro Goulart, permitindo assim uma integração com o centro da cidade de São Paulo. Ela possui 8 km de linha construída em viaduto e 2,3km de linha no nível do solo, para servir 3 estações com frequência de um trem a cada 12 minutos. Além da operação regular da linha, um serviço expresso para o aeroporto será também fornecido. A linha é dotada de vagões modernos, climatizados e constitui um elemento importante para melhoria da intermodalidade, da integração e da malha das redes de transportes coletivos.

JPEG

Essa parceria associa igualmente a Região da Île-de-France através de ações de cooperação técnica e do reforço de capacidades, e se enquadra nas ações da AFD no Brasil em favor do desenvolvimento dos transportes públicos urbanos.

JPEG

A melhoria na qualidade dos serviços oferecidos (conforto, velocidade, limpeza) e na segurança dos passageiros (instalações modernas e funcionais melhorando a acessibilidade), assim como a contribuição na redução dos ruídos sonoros e nas emissões de poluentes e gases de efeito estufa terão igualmente impactos positivos na qualidade de vida dos habitantes.

publié le 02/04/2018

haut de la page