Inauguração da escola bilingue de Manaus

Em missão a Manaus, o Conselheiro de Ação e Cooperação Cultural visitou a Escola Militar do Corpo de Bombeiros "José Carlos Mestrinho" que, com o apoio da embaixada desde 2017, desenvolve uma educação bilíngüe em suas classes primárias e ensino médio (400 alunos), com francês obrigatório e ensino de uma disciplina científica (biologia, matemática) em francês.

Desde março de 2018, o departamento disponibilizou para a escola um leitor de FLE que veio reforçar a equipe pedagógica formada por professores brasileiros de francês.

Pouco mais de um ano após seu lançamento e após enfrentar inúmeros obstáculos (escola localizada em um bairro muito desfavorecido, estudantes de origens muito modestas), a experiência provou ser um sucesso, a julgar pelo entusiasmo dos alunos, professores e supervisores, formado por bombeiros militares.

A Secretaria Estadual de Educação do Amazonas, por sua vez, apóia integralmente o projeto.

JPEG

publié le 08/06/2018

haut de la page